Capitão América

Por que “Vingadores: Guerra Infinita” é um sucesso tão grande?

Por que “Vingadores: Guerra Infinita” é um sucesso tão grande?

Mais do que uma boa história, a Marvel construiu uma estratégia de marketing perfeita   O filme do momento. A maior abertura da História do cinema. Arrecadou US$ 640,9 milhões no seu primeiro final de semana ao redor do mundo. Só no Brasil foram R$ 65 milhões de quinta a domingo. “Vingadores: Guerra Infinita” está a caminho de quebrar todos os recordes da indústria do entretenimento.   M... »

Vingadores: Guerra Infinita

Vingadores: Guerra Infinita

Sem se importar com consequências, terceiro filme dos Vingadores consegue costurar um mar de personagens enquanto tem seu vilão, Thanos, como protagonista Com relação a alguns pontos, “Vingadores: Guerra Infinita“ não tinha segredos. Nós sabíamos que a batalha seria contra Thanos, o grande vilão do Universo Marvel, sabíamos que veríamos, mais uma vez, os heróis reunidos e que seria o f... »

OPINIÃO: Isso não se faz, Marvel!

OPINIÃO: Isso não se faz, Marvel!

Transformar o Capitão América em vilão é tática de marketing baixa e irresponsável   A tática “polemizar pra sair do buraco” sempre existiu – nas grandes mídias, na imprensa e em qualquer segmento cultural ou artístico. Nos quadrinhos não é diferente: afinal, já mataram o Superman (sei lá quantas vezes), mataram o Homem-Aranha, o Batman, o Wolverine… transformaram heró... »

GUERRA CIVIL: OS SUPER-HERÓIS DA MARVEL CHEGAM À IDADE ADULTA

GUERRA CIVIL: OS SUPER-HERÓIS DA MARVEL CHEGAM À IDADE ADULTA

O terceiro filme do Capitão América – que mais parece um “Vingadores 2,5” – é o rito de passagem dos heróis coloridos da ‘Casa das Ideias’ Aquela ferramenta do Facebook que mostra o que estávamos fazendo anos atrás me lembrou que quatro anos atrás eu falava sobre Vingadores, o primeiro filme, e o chamava de “declaração de amor nerd”. Até repostei o texto, originalmente escrito em outro blog, aqui ... »

“Os Vingadores”: uma declaração de amor nerd

“Os Vingadores”: uma declaração de amor nerd

O ano era 1978 e os cartazes nas portas dos cinemas diziam: “Você vai acreditar que um homem pode voar”. Chegava às telas “Superman – O Filme”, um clássico que dá a partida no uso dos super-heróis na moderna indústria do entretenimento. Essa utilização, esse salto transmidiático, chega ao seu ápice 34 anos depois, com a estreia de “The Avengers – Os Vingadores”. Se antes era possível acreditar que... »

Super-Heróis: A Batalha sem Fim

Super-Heróis: A Batalha sem Fim

“Com grandes poderes, vem grandes responsabilidades“ Muitos aqui devem ter como uma das lembranças mais marcantes da tenra juventude suas coleções de gibis. Amontoados em algum canto da casa – em caixas, num quartinho ou num armário – , nossa vasta e inestimável coleção vez ou outra se tornava alvo de perseguições por parte das nossas mães, que reclamavam: “MeninoR... »

Feliz Aniversário, Stan Lee!

Feliz Aniversário, Stan Lee!

28 de dezembro de 2015: aniversário de 93 anos do maior criador de super-heróis de todos os tempos. Comemore descobrindo mais sobre ele! Stanley Martin Lieber. Esse nome talvez não te diga muita coisa. Mas ao ler seu nome artístico, um pseudônimo criado para esconder-se da sua atividade principal – criar revistas em quadrinhos – você certamente vai saber de quem se trata. Afinal, no mundo da cultu... »

Saiu o trailer de Guerra Civil – e agora a porra ficou séria!

Saiu o trailer de Guerra Civil – e agora a porra ficou séria!

  E saiu o trailer de um dos filmes mais aguardados do ano que vem: Capitão América – Guerra Civil. E é interessante ver como o tom mudou em relação aos filmes anteriores da Marvel. Ficou mais sério, denso… lembrando bastante a postura da DC com seus filmes. Essa tendência já foi iniciada com Vingadores – A Era de Ultron, que é muito menos solar do que o primeiro filme e tam... »

Capitão América 2: o melhor filme da Marvel até aqui!

Capitão América 2: o melhor filme da Marvel até aqui!

Você é daqueles que não gostou muito do primeiro filme do Capitão América por achar o herói “coxinha” demais. Um excesso de bom-mocismo que o deixava chato e pedante. Saiba que essa visão é bastante comum mesmo entre os fãs de quadrinhos. Gente que compara o Capitão América com o Wolverine, achando o primeiro “chato” por ser “bonzinho” e o segundo “legal” por ser mais “matador”. Eu poderia aqui fi... »